Portais da Vida

Luiza Vitória - Estudante

 

Pegadas na areia 

 

Não conhecemos as pessoas tão bem como imaginamos, por vezes criamos versões nossas e dos outros e acreditamos nelas sem de fato nos colocarmos no lugar do próximo.  Vivemos a vida mentindo para nós mesmos, porque não queremos sofrer. Ignoramos um pedido de ajuda por ego elevado e nos conformamos dizendo: “estou sofrendo tanto quanto ele/a” e esquecemos de que é bem mais fácil amparar ao outro do que ambos sofrerem distantes. Por isso lhe convido a rever seus conceitos. Você está se sentindo bem hoje? Se sim, ótimo! Espalhe a sua felicidade para fazer mais vidas felizes. Se não, melhore o seu dia praticando o bem. Acredite, a fórmula da felicidade é alegrar-se com aqueles que alegres estão. Não só desabafar, mas ouvir também.  Leve sua vida com leveza, serenidade, derrubando todos os dias os gigantes que lhe rodeiam com seu sorriso e fé! Você é capaz de realizar tudo o que almeja. Mude sua rotina! Troque as reclamações por agradecimentos. A famosa frase “eu não consigo”, por um belo “eu darei o meu melhor.” Entretanto não queira chegar ao topo sozinho, afinal, a caminhada já foi longa e por vezes solitária. Então, cative o máximo de pessoas sempre que tiver oportunidade. Lembre-se Deus nos ama mesmo com erros, falhas e fraquezas, e nos ensina a melhorar cada dia mais, basta pedir, independentemente do caos, ajudar sempre aqueles que precisarem, assim teremos orgulho de nós mesmo. Porque no fim das contas, todos merecemos êxito!